O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

Fogo lavra em Tondela

24 jun, 2013

Desde a meia-noite, o site da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) já registou 93 ocorrências.
Fogo lavra em Tondela
Helicóptero larga água para tentar apagar um incêndio florestal próximo de Nelas. Cerca de 100 bombeiros estiveram no combate às chamas.
Mais de centena e meia de bombeiros combatem um incêndio que deflagrou pelas 16h30 na zona de Tondela. Segundo disse à Renascença fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro, o fogo está a ceder mas os difíceis acessos prejudicam os trabalhos.

As chamas, que progrediam numa frente, estão a ser combatidas por 156 operacionais, apoiados por 32 veículos e três meios aéreos - um helicóptero de ataque inicial e dois aviões bombardeiros.

O fogo que arde desde as 16h00 no concelho de Pampilhosa da Serra foi já dado como dominado. No local mantêm-se em operações de rescaldo 127 elementos e 34 veículos, adiantou à agência Lusa uma fonte do CDOS de Coimbra.

Dezoito concelhos dos distritos de Faro, Santarém, Guarda, Viseu, Porto, Aveiro e Castelo Branco estão esta segunda-feira sob risco "máximo" de incêndio, segundo informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Desde a meia-noite, o site da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) já registou 93 ocorrências.

No domingo deflagraram 112 incêndios, que foram combatidos por 1.462 homens, apoiados por 383 veículos.