|

Efectuada pela primeira vez a travessia a nado de São Jorge ao Pico

27 jul, 2015 • Filipe d’Avillez

O nadador de águas abertas Miguel Arrobas foi o primeiro a chegar a terra firme e Letícia Toste, a única mulher em prova, também completou o percurso, em cerca de nove horas.  

Efectuada pela primeira vez a travessia a nado de São Jorge ao Pico
O nadador Miguel Arrobas tornou-se esta segunda-feira o primeiro a ligar a nado as ilhas de São Jorge e Pico, nos Açores.

Miguel Arrobas participou nesta travessia na companhia de outros cinco nadadores, todos açorianos e foi o primeiro a chegar a terra firme na ilha do Pico, tendo voltado depois de barco para acompanhar e incentivar os restantes atletas.

A travessia, de 20 quilómetros, já tinha sido feita mas no sentido inverso, com o melhor tempo registado em 7h20. Esta tarde Miguel Arrobas completou a travessia em 5h25.

Com Miguel Arrobas lançaram-se à água Vitor Medina, Duarte Simões, Nuno Braga, Rodrigo Simões e Letícia Toste, a única mulher do grupo. Destes, Vítor Medina e Duarte Simões não completaram a prova, uma vez que se previa que não conseguiriam chegar a terra antes de cair a noite.

Nuno Braga e Rodrigo Simões chegaram ao Pico depois de cerca de sete horas a nadar e Letícia Toste demorou cerca de nove horas.

Miguel Arrobas continua nos Açores durante a próxima semana e na sexta-feira tentará, se as condições do mar o permitirem, ligar as ilhas de Faial e Pico.