O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

Volta o jogo

08 set, 2017 • Opinião de Ribeiro Cristovão


Regressa o campeonato e oxalá regresse sem casos.

Depois de alguns dias recheados de peripécias que o futebol teria dispensado facilmente, o jogo volta hoje, com a o arranque da quinta jornada a anteceder a primeira entrada na Liga dos Campeões, aprazada já para a próxima semana.

O Sporting é o primeiro a entrar em acção numa saída revestida de dificuldades a Santa Maria da Feira, onde o espera um Feirense disposto a repetir a vitória alcançada no campeonato anterior.

É evidente que face às circunstâncias actuais os leões são favoritos para um jogo em que entram como a equipa mais poderosa e qualificada.

Para trás estão três jogos em que o Sporting arrecadou outras tantas vitórias, e manter essa performance é seguramente o objectivo primordial dos comandados de Jorge Jesus.

Este é, sem margem para quaisquer dúvidas o principal desafio da jornada, na qual Porto e Benfica parece poderem vir a ter tarefas menos complicadas.

Os encarnados retomam o campeonato jogando Na Luz, com o Portimonense, ou seja, defrontam-se os campeões das primeira e segunda ligas da temporada anterior.

Da parte dos algarvios nem tudo começou bem. Três derrotas e uma só vitória, não permitem encarar com facilidade esta deslocação ao Lisboa.

Por outro lado, o FC Porto também volta ao seu estádio para agora defrontar o Desportivo de Chaves. Apenas um empate, eis o saldo dos transmontanos, que têm protagonizado um arranque bem pior do que nos anteriores.

E do Dragão os flavienses poderão sair com novo resultado negativo, adiando assim a sua recuperação para outra data.

Regressa o campeonato e oxalá regresse sem casos.

No domingo à noite será o tempo de fazer o balanço.

Artigos AnterioresRibeiro Cristovão
 

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.