O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Este verão, não perca a estreia de “Carros 3”


A lenda do asfalto está de regresso no novo filme da Disney/Pixar
Trailer de "Carros 3"

No mundo do desporto automóvel, a competição é feroz. Depois de anos de glória, o lendário Faísca McQueen depara-se com um desporto onde as novidades não param de surgir e onde está a nascer uma nova geração de corredores de alta tecnologia.

Será que o lendário Faísca McQueen está à altura dos seus novos adversários? A resposta chega no novo filme da Disney-Pixar, "Carros 3".

Quando é afastado do desporto que ama, McQueen vai precisar de toda a ajuda para provar que ainda tem lugar nas pistas e não vai desistir sem dar luta.

Há toda uma nova realidade a que McQueen se tem de habituar e para isso vai contar com a ajuda preciosa de uma jovem treinadora de corridas, Cruz Ramirez, e da inspiração do fabuloso Doc Hudson (interpretado na versão original por Paul Newman e na versão portuguesa por Manuel Cavaco).

Em “Carros 3”, McQueen vai ter de provar que ainda está para as curvas e que nem o novo rival, Jackson Storm, o vai conseguir afastar da luta por um lugar no pódio.

“Carros 3” traz muitos dos personagens que já conhece dos filmes anteriores – para além de novas personagens - e muitas vozes suas conhecidas como: Pedro Granger (Faísca McQueen), José Raposo (Mate), André Gago (Sterling), Joaquim Monchique (Dusty), Marcantónio Del Carlo (Luigi), Vera Kolodzig (Sally), João Baião (Rusty), Ana Catarina Afonso (Cruz Ramirez) e João Craveiro (Jackson Storm).

O novo filme da Disney chega a Portugal com apoio da Renascença e temos convites para o levar à antestreia dia 15 de Julho, às 11h, no Porto (cinemas UCI Arrábida Shopping) e em Lisboa (cinemas UCI El Corte Inglés).

“Carros 3”, nos cinemas a 20 de Julho.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.