O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Frutologia no Jardim Gulbenkian – Um fim-de-semana com muita fruta


Esta é uma festa para todas as famílias e com entrada livre!

Dias 27 e 28 de Maio junte a família e viva uma grande aventura no Jardim Gulbenkian, em Lisboa!

Oficinas para toda a família, contos no jardim, culinária, expressão plástica e performativa, espectáculos, dança e, claro, muita música!

Todos juntos, pais e filhos, vão querer dançar no salão tropical, experimentar rádio, criar novos frutos, descobrir os mistérios que a ciência explica e meter as mãos na massa e na tinta.

Entre arbustos e flores, há uma grande árvore de frutos que não pára de crescer e retratos que se podem comer.

Temos a certeza que as suas crianças vão querer experimentar tudo!

Os dois dias terminam com o concerto Disco Voador, dos Clã, às 18h.

A Festa da Frutologia Compal no Jardim Gulbenkian vai levar fruta, cor e muita animação a este jardim lisboeta. Todos estão convidados, porque esta é uma festa para todas as famílias e de entrada livre!

E não se esqueça que a Renascença também vai lá estar com um estúdio de rádio à medida dos mais pequenos. A Marta Ventura e o Renato Duarte vão transformar os seus filhos em autênticos locutores de rádio.



ESPAÇO LOUNGE

JARDIM (Entrada Biblioteca de Arte)

Vem dançar | Para todas as idades

Na festa da frutologia também há espaço para o baile, onde toda a gente dança. O Jardim Gulbenkian transforma-se num improvisado salão tropical, onde dois bailarinos e um Dj desafiam todas as famílias e amigos a saborearem e a viajarem pelas danças e músicas do mundo, através de coreografias simples e com muito salero. A fruta é o ingrediente principal, claro!

Avelino Chantre e Selecta Alice (DJ set) / 12h15; 13h15; 15h15; 16h15

30 Minutos / 40 Pessoas

Era uma vez … | Para famílias com crianças a partir dos 6 anos

Histórias para despertar a consciência

Falando para miúdos e graúdos, um grupo de jovens cientistas vai desafiar-nos a conhecer alguns dos mistérios da ciência em que a fruta, ou as famílias que as rodeiam, como os insetos, são personagens principais da investigação. Deixe-se surpreender com estas histórias em que o rigor científico tem a capacidade de nos encantar muito para além da ciência.

Bernardo Peixoto, Carolina Figueira, Bernardo Borges e Marta Santos /

11h45; 12h45; 14h45; 15h45

30 Minutos / 40 Pessoas


OFICINAS
A Grande árvore de frutos
| Para famílias com crianças a partir dos 5 anos

Oficina de expressão plástica

Uma Grande Árvore vai crescer neste Jardim. Pouco a pouco, ao longo do dia e com a ajuda de muitas mãos a nossa árvore criará raízes, para elevar um grande tronco com muitos ramos, e dar origem a uma infinidade de folhas, flores e frutos. Vai certamente ser visitada por insetos e aves que gostam de construir tocas e ninhos. Tudo isto numa grande azáfama de recortes e pinturas!

Ana Pego e Vanda Vilela

JARDIM (Grande clareira) / 11h00; 11h45; 12h30; 14h30; 15h15; 16h00

40 Minutos / 24 Pessoas

Fruttifrutários | Para famílias com crianças a partir dos 5 anos

Oficina de construção de novos frutos

Enquanto membros honorários da “Associação de descobridores de novas espécies” não conseguimos deixar de pensar em FRUTA!

De onde nasce a fruta? Será do supermercado ou da natureza?

Nesta oficina vamos descobrir as flores que dão origem às frutas e os polinizadores necessários à sua propagação. Vamos inventar e classificar novos frutos curiosos, fazendo uso de diferentes técnicas, materiais e de um grande inventário imaginário.

Marc Parchow, Margarida Rodrigues e Sofia Martinho

JARDIM (Pinhal) / 11h00; 11h45; 12h30; 14h30; 15h15; 16h00

30 Minutos / 30 Pessoas

Retratos apetitosos | Para famílias com crianças a partir dos 5 anos

Oficina de expressão plástica e culinária

Entre árvores e arbustos, cheiro a flores, bicharada e o canto das aves, vão surgir retratos tridimensionais apetitosos. Com texturas e cores, de frutos e legumes da época vamos compor narizes, orelhas, bocas, sobrancelhas e tudo o que te lembres que existe numa cara. Se fosses feito de fruta, como serias? E a que saberias? Vamos aliar a sensibilidade plástica ao paladar e descobrir muitos retratos no bosque, quase prontos a comer!

Joana Leal e Rita Raposo

JARDIM (Orla poente) / 11h00; 11h45; 12h30; 14h30; 15h15; 16h00

40 Minutos / 24 Pessoas

Semear desejos | Para famílias com crianças a partir dos 5 anos

Oficina de criação de invólucros para desejos especiais

Do coração das frutas saboreadas até ao fim saem sementes, pequenas promessas de nova vida, de novos frutos, de mudança e crescimento. Assim queremos também o nosso mundo – verde, frutífero, sustentável, justo e inclusivo. Todos temos desejos, vontades e ferramentas para transformar o que nos rodeia e desenhar o mundo em que desejamos viver.

Nesta oficina vamos aproveitar as sementes de frutos variados e usá-las como símbolo de mudança. Para cada semente criaremos um invólucro especial, feito à medida, e uma frase para mudar o mundo. Depois é só usar a imaginação e a criatividade para encontrar uma forma bonita e poética de suspender essa ideia numa grande árvore de desejos.

Patrícia Tiago, Rita Cortez Pinto e Sara Inácio

Jardim – Orla nascente/ 11h00; 11h45; 12h30; 14h30; 15h15; 16h00

30 Minutos / 30 Pessoas


ESPECTÁCULOS
Quem semeia canções... colhe limões?
| Para pais e bebés a partir dos 6 meses

Palavras e música para embalar

A "Fábrica das Sementes de Canções" começou a funcionar... Nesta viagem, de transformação de uma semente em árvore, vamos convidar as famílias a semear com sons, regar com canções, embalar na noite escura e colher com os sentidos, através da música.

Ana Marques e Carolina Gaspar

SEDE (Sala 1) / 11h00; 12h00; 15h00; 16h00

40 Minutos / 30 Pessoas

Fruto cantado, poema contado | Para todas as idades

Contos e música

Palavra? É som. Língua? Tambor.

Fala, música, poesia e frescor.

Uma delícia de fruemas cantados, de contos frutados com muito amor.

Frutos

Pêssegos, peras, laranjas,

morangos, cerejas, figos,

maçãs, melão, melancia,

ó música de meus sentidos,

pura delícia da língua;

deixai-me agora falar

do fruto que me fascina,

pelo sabor, pela cor,

pelo aroma das sílabas:

tangerina, tangerina.

Eugénio de Andrade

Ana Sofia Paiva e José Salgueiro

JARDIM (Choupal) / 11h00; 14h00; 17h00

45 Minutos / 120 Pessoas

Frutoscópio | Para famílias com crianças a partir dos 3 anos

Espetáculo para 2 retroprojetores e música gravada

Será um microscópio? Ou um periscópio? É um frutoscópio!

De onde é que a fruta vem? No que se pode transformar?

Uma aventura frutológica, de formas, cores e mistérios, um diálogo luminoso para dois retroprojetores acompanhado de músicas com cadência frutada.

Uma brincadeira de cientista com cascas, polpas, sementes, sumos e folhagens.

António Jorge Gonçalves e Paula Delecave

SEDE (Sala 2) / 11h40; 12h40; 14h30; 17h00

20 Minutos / 50 Pessoas


CONCERTOS
Disco voador
| Para todas as idades

Concerto de encerramento

O Disco Voador dos Clã vai aterrar nos Jardins da Gulbenkian, numa versão descapotável com um cenário mais leve e uma versão instrumental mais minimal.

Os supernovos que vierem até ao Anfiteatro ao ar livre, podem escutar pequenas histórias extraordinárias, inventadas por Regina Guimarães e ouvir canções que falam de meninos apaixonados, de amigos do peito, de cães com donos preguiçosos, de sonhos e medos e da vontade de saltar e dançar sem parar!

Clã

Manuela Azevedo - voz e percussões

Hélder Gonçalves - guitarra

Miguel Ferreira - glockenspiel, melódica e voz

Pedro Biscaia - miniteclado e glockenspiel

Pedro Rito - baixo

Fernando Gonçalves - bateria

Nelson Carvalho - desenho e operação de som

Norberto Duque – roadie

Management e Agenciamento – Força de Produção

AAL / 18H00

60 Minutos / 800 Pessoas

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.