O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
O Mundo em Três Dimensões
Números que contam histórias. De segunda a sexta às 05h40, 14h30 e 21h10 com reposição ao fim-de-semana.
A+ / A-
Arquivo
O Mundo em Três Dimensões

Peso a mais pode ser bom para a longevidade

02 mar, 2017 • André Rodrigues


Se a balança lhe diz que está ligeiramente acima do peso normal, saiba que o seu risco de morte pode ser mais reduzido do que o de alguém que está dentro dos limites considerados ideais. É pelo menos o que se conclui a partir de uma investigação desenvolvida pelo Hospital Universitário de Copenhaga, na Dinamarca. Para ter uma ideia: um português de 30 anos, saudável, a medir um 1,70 metros pode ir à vontade até aos 80 quilos. As tabelas actuais vão dar um Índice de Massa Corporal (IMC) 27, marginalmente acima do normal. Ou seja, deveria perder quatro quilos. Mas os cientistas dinamarqueses referem que os IMC a 27 apresentam menor risco de morte do que quem é proporcional. Em peso e em altura.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.