Em Nome da Lei
O direito e as nossas vidas em debate. Sábado às 12h, com repetição domingo às 0h
A+ / A-
Arquivo
Em Nome da Lei - Burlas, novas e velhas - 3/12/2016
Em Nome da Lei - Burlas, novas e velhas - 3/12/2016

Burlas, novas e velhas

03 dez, 2016


Nesta edição do programa “Em Nome da Lei”, da Renascença, analisam-se os novos riscos, os mais ardilosos e sofisticados, bem como os mais antigos e banais.

As forças de Segurança recebem dezenas de queixas de burla por dia e não há falta de criminosos que procuram tirar proveito da ingenuidade ou inocência dos cidadãos.

Contando apenas com a área de informática e comunicações, o ano passado registou-se um aumento de 76% de queixas.

Algumas das práticas confundem-se com fraude, ou acesso indevido a dados, falsificação de documentos e extorsão.

Nesta edição do programa “Em Nome da Lei”, da Renascença, analisam-se os novos riscos, os mais ardilosos e sofisticados, bem como os mais antigos e banais.

São convidados para este programa a jurista Ingrid Pereira, do Gabinete de Apoio ao Consumidor, da Deco, o Coordenador Superior de Investigação Criminal, subdirector da Polícia Judiciária de Lisboa e o major Paulo Poiares, chefe da repartição de programas especiais da GNR. A edição é de Celso Paiva.

O “Em Nome da Lei” é transmitido semanalmente na Renascença, aos sábados, depois do noticiário das 12h.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.