O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Em Nome da Lei
O direito e as nossas vidas em debate. Sábado às 12h, com repetição domingo às 0h
A+ / A-
Arquivo
Em Nome da Lei - 07/05/2016 - Touradas
Em Nome da Lei - 07/05/2016 - Touradas

Deve haver dinheiros públicos na actividade tauromáquica?

07 mai, 2016


A questão dos apoios públicos às touradas este em debate na edição de sábado. O PAN diz que as actividades tauromáquicas vivem dos dinheiros do Estado e o Bloco de Esquerda, há já há quatro anos, tentou acabar com apoios públicos às touradas - ou corridas de toiros. A Federação Portuguesa de Tauromaquia contesta que haja apoios e a Associação dos Municípios Taurinos alerta para o valor económico que tem a tauromaquia para algumas regiões do país.
Deve haver dinheiros públicos na actividade tauromáquica?
Deve haver dinheiros públicos na actividade tauromáquica?
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Alexandre Bastos
    21 mai, 2016 Quintos 14:30
    As touradas provocam muito sofrimento a dois pacíficos herbívoros. Não seja cúmplice dessa tortura desnecessária. Não seja responsável pela tortura. Não participe nem assista a touradas. “A Tauromaquia é a terrível e venal arte de torturar e matar animais em público, segundo determinadas regras. Traumatiza as crianças e adultos sensíveis. A tourada agrava o estado dos neuróticos atraídos por estes espectáculos. Desnaturaliza a relação entre o homem e o animal, afronta a moral, a educação, a ciência e a cultura" (UNESCO, 1980)
  • João Paes
    13 mai, 2016 Angra do Heroísmo 14:32
    A Tauromaquia em geral, paga os seus impostos como qualquer outra actividade recreativa /Cultural e, para além disso, associa-se / contribui com bastante frequência para muitas das áreas de Solidariedade Socia. Daí achar que a Tauromaquia, como qualquer outra área Recreativa / Cultural deva ser apoiada, sempre que necessário e devidamente justificável... "POR UMA TAUROMAQUIA" mais forte e saudável, elemento enraizado na Tradição, na ARTE e Cultura POPULAR do nosso Povo Português, muito em particular dos AÇORIANOS, que não deve ser "descriminada". Bem hajam a todos!
  • ines fazenda
    12 mai, 2016 lisboa 01:41
    A jornalista é uma vergonha... se era para ser totalmente parcial, não era moderadora, era comentadora. Os comentadores do PAN e da Animal são tão irracionais como os mais burros dos animais!!! Portugal está a dar um poder tal às minorias que nos vai levar a uma ditadura! Quem é que são estas pessoas para reduzirem a minha liberdade? querem-se comparar com os toiros, então durma com eles e levem-nos para casa como animais domésticos para perceberem as diferenças!!
  • Roberto Ceolin
    10 mai, 2016 Macau 06:01
    moderadora, vergonhosamente parcial e mal educada
  • Carlos Araújo
    08 mai, 2016 Vila Nova de Gaia 17:11
    Gostaria de ouvir na íntegra, o programa Em nome da Lei do dia 7 de maio de 2016