São Bento à Sexta
Os bastidores do Parlamento e da política nacional. Sexta depois das 12h
A+ / A-
Arquivo
São Bento à Sexta - Rui Rio, o "sem medo". E ainda a "taxa Robles" e Tancos - 14/09/2018
São Bento à Sexta - Rui Rio, o "sem medo". E ainda a "taxa Robles" e Tancos - 14/09/2018
São Bento à Sexta

Rui Rio, o "sem medo". E ainda a "taxa Robles" e Tancos

14 set, 2018


Na "rentrée" do São Bento à Sexta, a equipa de Política da Renascença - Eunice Lourenço, Susana Madureira Martins e Paula Caeiro Varela - reúne-se para analisar os casos mais "quentes" do momento. O mistério de Tancos continua - "o que passou-se?", apetece perguntar - e uma proposta do Bloco de Esquerda para, supostamente, combater a especulação imobiliária - batizada de "taxa Robles", vá lá saber-se porquê... - tem estado no centro do debate político-partidário. No "olho do furacão" está também Rui Rio, que vai enfrentando o tumulto de parte do PSD.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Carlos Macedo
    17 set, 2018 Maia 15:45
    Cão que ladra não morde. Não tenho a certeza, mas só que conheço de RR acredito que é um personagem que trará uma nova forma de fazer política, no sentido em que contrariamente ao que estamos habituados, para se ser bom líder da oposição, não é preciso aparecer todos os dias na comunicação social a exigir isto e aquilo do governo, tal qual fazia o Antônio Seguro. Creio que estará mais interessado em estudar os Dossiers e a preparar um projecto para o País, para quando for preciso aparecer, do que propriamente em politiquices.
  • concas
    15 set, 2018 lisboa 17:20
    Rui Rio transformou o maior partido da oposição num apagâo total dando a certeza que o PSD já não existe.Ser PR dum partido não é ser PR camara.Esta nomenclatura maioritária q além das reversões fez asneiras tem tanto onde se lhe pegue que não se percebe RUI RIO nem Cristas que poderia ir mais além.Nao querem ou estão condicionados pelo timming eleições ou outros constrangimentos.
  • Rio sem margens
    14 set, 2018 lisboa 17:36
    RR é um homem sem medo. É simples. Tem vida para além da política. Enquanto que a maior parte da pulhitiqueira parasita nos partidos em guerras intestinas pelo melhor tacho. É um verdadeiro social democrata. Faz política seria. Não para caçar votos tentando enganar tolos com papas e bolos tipo Kristas.