O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

​Brasil: assim, sim…

03 jul, 2018 • Opinião de Ribeiro Cristovão


Já sem as estrelas maiores, a Copa, muito bem organizada pelo país dos sovietes volta hoje aos relvados com dois jogos susceptíveis de proporcionarem outros bons espectáculos: à tarde, Suécia- Suiça, e, já próximo da noite, Colômbia-Inglaterra.

Depois de uma fase de grupos em que não conseguiu encantar os adeptos, a selecção canarinha teve ontem o seu melhor desempenho frente ao México que, como se previa, lhe dificultou a vida enquanto as forças lho permitiram.

E, munido de Neymar, que viria a tornar-se no homem do jogo, o penta campeão do mundial deixou finalmente bem à vista a ideia de que pretende regressar ao país do samba levando na bagagem o eu sexto título.

Agora, a Bélgica fica à espera do Brasil para um jogo certamente empolgante na próxima sexta-feira às sete horas da noite.

Para acentuar a necessária prevenção brasileira convirá entretanto trazer à memória o outro desafio de ontem em que precisamente os belgas conseguiram não apenas uma remontada memorável mas, sobretudo, a confirmação de amplas capacidades nos mais variados domínios que bem podem começar a preocupar os rapazes de Tite.

O futebol tem destas coisas: o Japão só sucumbiu no derradeiro lance do jogo, quando tudo parecia apontar para mais um prolongamento e possível desempate por penalidades. E quando assim acontece apodera-se de quem assiste um sentimento de frustração que se prolonga por muitas horas.

Já sem as estrelas maiores, a Copa, muito bem organizada pelo país dos sovietes volta hoje aos relvados com dois jogos susceptíveis de proporcionarem outros bons espectáculos: à tarde, Suécia- Suiça, e, já próximo da noite, Colômbia-Inglaterra.

Um bom momento para aferir, em definitivo, da qualidade da selecção inglesa.

Veremos se é mesmo capaz de também alinhar no escasso lote dos favoritos.

Artigos AnterioresRibeiro Cristovão
 

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.