Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

​A grande final à vista

03 mai, 2018 • Opinião de Ribeiro Cristovão


No próximo dia 26 deste mês se saberá quem é o novo campeão europeu de futebol.

Real Madrid, já vencedor do Bayern de Munique, e Liverpool, que ontem consumou o afastamento da ASRoma, têm encontro marcado para a capital da Ucrânia, este ano palco supremo da maior competição mundial de clubes.

Ainda que não tenha sido a melhor equipa na eliminatória, o Real Madrid sobrepôs-se ao Bayern num conjunto de jogos onde tudo poderia ter acontecido ao contrário.

Mas a felicidade e alguns erros arbitrais ajudaram os merengues a chegar à sua quarta final em cinco anos, e com o espectacular registo de três possíveis vitórias consecutivas na Liga dos Campeões.

Por seu lado, o Liverpool regressa ao grande palco onze anos depois, e treze anos após ter ganho o troféu pela última vez na final de 2005 que ficou para a história em Istambul, onde foi necessário recorrer a prolongamento e a grandes penalidades para levar a melhor sobre o Milão, num dos desafios mais reclamados na Champions.

Mesmo tendo em conta que poucos dias depois terá início o Campeonato do Mundo, é natural imaginar um jogo de altíssima qualidade entre duas equipas onde pontificam jogadores de extraordinária qualidade com o nosso Cristiano Ronaldo à cabeça.

Mas, atenção, os red´s dispõem de um mortífero trio atacante –Mané, Sanah, Firmino- com o qual os companheiros do melhor jogador do mundo terão de estar muito atentos.

As duas melhores equipas da Europa –pelo menos é isso que os resultados nos dizem-, têm condições para oferecer à Europa e ao mundo um espectáculo de grande qualidade.

É natural, por isso, que a ansiedade de ambos os lados aumente exponencialmente a cada dia que passa.

Artigos AnterioresRibeiro Cristovão
 

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.