O Mundo em Três Dimensões
Números que contam histórias. De segunda a sexta às 05h40, 14h30 e 21h10 com reposição ao fim-de-semana.
A+ / A-
Arquivo
O Mundo em Três Dimensões - Fast-food no Brasil - 01/02/2018
O Mundo em Três Dimensões - Fast-food no Brasil - 01/02/2018
O Mundo em Três Dimensões

McDonald's de São Paulo vende 84.000 hambúrgueres por mês

01 fev, 2018 • André Rodrigues , Paulo Teixeira (sonorização)


Restaurante da mais conhecida cadeia de fast-food do mundo fica a 800 metros da Arena Corinthians, numa das zonas mais populosas de São Paulo, onde vivem cerca de quatro milhões de habitantes.

O centro comercial onde se situa este restaurante recebe em média 60.000 visitantes por dia. E um em cada 10 vai aos hambúrgueres, às batatas fritas, aos refrigerantes e aos gelados.

A história é contada na edição brasileira da revista Exame.

Agora imagine-se atrás de um balcão para atender tanta gente. 6.000 pessoas num dia? Só a imagem impressiona.

Há 108 funcionários de balcão e 23 gerentes divididos por quatro turnos. Objectivo: entregar os pedidos no tempo máximo de um minuto.

Se a regra é válida para o dia todo, mais ainda entre 12h00 e as 14h00 e entre as 18h30 e as 21h00, que são a 'hora de ponta' neste espaço.

O número de clientes chega a ultrapassar os 1.500. Por minuto, são atendidas entre 12 e 13 pessoas.

Normalmente, os stocks de restaurantes desta cadeia norte-americana são repostos três vezes por semana.

Só que no caso deste, em particular, é preciso comprar produtos todos os dias para responder à multidão de consumidores.

E os produtos têm validade de seis meses. Mas isso não é problema nesta unidade: a matéria-prima é consumida em apenas três dias.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.