O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Operação “Ano Novo” fecha com balanço positivo face a 2016

03 jan, 2018


Mais de sete mil militares fiscalizaram as estradas portuguesas entre sexta e terça-feira.

A Guarda Nacional Republicana registou nos cinco dias da Operação "Ano Novo" menos acidentes e menos vítimas mortais do que na operação de 2016/2017.

Três mortos e 10 feridos graves em 858 acidentes é o balanço final da operação, que terminou à meia-noite de terça-feira, indicou à Renascença o major Paulo Gonçalves.

Comparando com o ano passado, são menos quatro vítimas mortais, menos oito feridos graves e menos 84 acidentes.

Já o número de feridos leves subiu: este ano há a registar 339.

A operação da GNR começou na sexta-feira, dia 29 de Dezembro, com o objectivo de prevenir a sinistralidade rodoviária e garantir a fluidez do tráfego.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Souza
    04 jan, 2018 da Ponte 16:04
    Foi uma operação se sucesso. Pois em relação a 2016 houve um encaixe de mais 100 milhões de euros, o que dá para pagar o subsidio de Natal e ainda sobra uns trocados para o bolo rei. Infelizmente faleceram 3 pessoas, mas isso não interessa nada....????
  • 03 jan, 2018 algures 09:20
    Até parece que na GNR há "apostas" nas estatísticas de mortes e de acidentes,nestas épocas festivas.............Se tivessem uma acção mais preventiva,como por ex:mostrem-se mais (e não se escondam com os radares para a caça á multa),coloquem sinais de "Radar",atenção policia,control,etc,em locais que devem conhecer bem,talvez para o ano as ditas estatísticas sejam um pouco melhor.